FANático #0 – Uma coluna sobre jogos feitos por fãs, para fãs

28903_654780943

A indústria de games sempre presenteou os jogadores com inúmeros clássicos ao longo de todas as gerações de consoles. Mesmo que no mercado haja praticamente um infinito número de opções, gêneros e enredos, sempre existem aqueles jogos que, mesmo que já tenham se firmado como clássicos, poderiam adicionar uma simples questão para melhorar sua experiência: “E se?”.

E se fosse possível jogar praticamente todo Megaman X3 com Zero, sem sua limitação de não enfrentar bosses e sem a limitação de que, caso o jogador morra utilizando o mesmo, ele fica indisponível o resto da jornada? E se fosse possível ver Pokémons da 4ª geração num jogo de GBA? Essas e outras perguntas foram introduzidas e devidamente respondidas por pessoas que se deram o trabalho de melhorar o que já era bom. Um trabalho digno de um verdadeiro fã de games.

Essas modificações vêm trazendo um completo e novo “campo de mercado”, fazendo com que o fator replay de certos games fosse amplamente explorado. Seja essa modificação um hack de alguma ROM existente (como na maioria dos casos e como já explicado aqui sobre Final Fantasy Hacktics), ou algum jogo totalmente novo baseado em clássicas fórmulas e personagens (vide Megaman X Street Fighter), na maioria das vezes o esforço empregado foi feito por um fanático pelo título.

Traduções de jogos que não foram lançados no lado ocidental do globo e até mesmo jogos que foram traduzidos para PT-BR também se enquadram nessa lista, contando até mesmo com um site totalmente dedicado ao assunto.

E é com prazer que a nova coluna do P2 chega para apresentar, analisar, e introduzir aos leitores um novo mundo de aventuras, onde o perigo não é bem maior, mas que com certeza pode gerar um sentimento que mescla nostalgia com a excitação de se jogar algo totalmente novo. E como um prévia do que estar por vir, talvez muitos não conheçam o projeto abaixo, mas para qualquer fã de RPG é, de fato, uma grata surpresa.

About Kaio Rodrigues

Único sobrevivente dessa página maravilhosa chamada PlayerTwo.com.br, junto com o fundador. Amante de jogos independentes de fan-made, passo parte do meu tempo sonhando em um dia ser jornalista de games.