Games antigos que merecem um remake

Earthbound

O tempo passa e é inegavelmente implacável. O que era novidade perde a graça e o que era revolucionário torna-se obsoleto. Os games não são exceção à regra. A surpreendente conexão com a internet hoje é obrigatória em qualquer console, os inovadores controles por movimento já não encantam ninguém e os polígonos tridimensionais já não fazem frente aos atuais gráficos, tão realistas.

É impossível negar que os jogos envelheçam. Alguns, no entanto, envelhecem de maneira mais saudável que outros. O tempo é mais agradável com os grandes clássicos do que com títulos inexpressivos de fôlego mais curto. Apesar disso, vários games antigos merecem ser revisitados e adaptados aos novos tempos, respeitando a tradição.

Uma das franquias cuja volta é mais esperada é Earthbound. Com o nome de Mother no Japão, a série nunca foi trazida totalmente para o Ocidente, o que já foi corrigido por trabalhos extraoficiais de fãs. A possibilidade de um remake, apesar de também ser remota, empolgaria muita gente que não teve a oportunidade de jogar o game há vinte anos, quando foi lançado originalmente para Super Nintendo.

A Sega, que manteve uma base de fãs muito sólida mesmo após sua derrocada nos consoles, alegraria seus fiéis seguidores com uma versão atualizada do clássico Alex Kidd. O carismático garoto cabeçudo que perdeu o posto de mascote da empresa para o ouriço azul ficou preso na década de 90 e, de lá pra cá, se limitou a participações sem muito brilho em alguns títulos.

Outra fita empoeirada que merece ser retirada do fundo do baú é Rock ‘N’ Roll Racing, um game incrível que mescla corridas em alta velocidade e música da melhor qualidade. Sem sombra de dúvida, muitos amantes de corridas e de rock adorariam voltar a disputar ao som de Black Sabbath, Deep Purple e companhia. Talvez algumas bandas mais recentes poderiam figurar num possível remake, abrilhantando ainda mais o conjunto da obra.

Um dos melhores RPGs de todos os tempos, feito pelo chamado “dream team do desenvolvimento”, Chrono Trigger envelheceu muito bem e foi até portado para o DS há alguns anos. Não que um título tão bem feito precise de correções ou adaptações, mas alguns aprimoramentos na parte técnica seriam muito bem-vindos em uma nova visita a esse clássico do SNES.

Assim como a Nintendo fez com seu mascote ao criar a série New Super Mario Bros, os Zeldas de Nintendinho poderiam muito bem ser revividos com roupagem nova. Esse é, aliás, o remake mais possível de ser feito nessa lista. A Big N depende basicamente de suas séries principais ultimamente, e refazer games clássicos tem sido uma das maneiras de dar um novo respiro a essas franquias.

É claro que precisaríamos de páginas e páginas para citar todos os exemplos de games antigos que merecem uma repaginada. GTA II, Battletoads, River City Ransom, Pokémon Snap – imagine esse game com o controle do Wii U –, Crash Bandicoot, Spyro… a lista é praticamente infinita. Qual é o game que você acha que merece um remake?

E com isso, inauguramos oficialmente o Mês Especial do Neo-Retro!

  • magaiver

    um remake extra oficial do Rock Roll Racing até saiu, chamado de Motor Rock. Começou no kickstarter, saiu no steam mas tomou processo da Blizzard e foi proibido. Os desenvolvedores disponibilizaram ele de graça acho que por uns 2 dias, e agora ter ele é como ter flappy bird no celular, virou raridade