Brasileiros criam game engine

Já ouvimos muitas vezes e de diversas empresas que o Brasil tem um grande potencial para crescer no mercado de games, e cada dia que passa esse potencial vem sendo provado. Mesmo sem a queda dos impostos sobre os jogos, tivemos o lançamento da Live no país, a adição do português brasileiro às línguas do 3DS e um projeto do governo que financiará uma pesquisa sobre o presente e o futuro desse mercado.

Fugindo um pouco das grandes organizações, outro destaque é um grupo de estudantes da USP que apresentou no final de março a Ploobs Engine, uma engine para a criação de games feita por eles e usada em seu trabalho de conclusão do curso de Ciência da Computação.

Ela foi desenvolvida em XNA 3.1, C# .Net 3.5 e HLSL, usa a mesma técnica de renderização de Cryisis 2 e StarCraft 2, a Deferred Shading (tema do TCC), possui sistema de inteligência artificial e muitas outras outras features compatíveis com uma Engine Directx 9c. Em um email, um integrante da equipe, intitulada COOP10, falou um pouco sobre as intenções do grupo:

Não existe nenhuma engine brasileira com o número de features/qualidade visual que nós temos, estamos na vanguarda. A maioria das empresas de jogos usam/pagam por engines estrangeiras, nossa ideia é mudar um pouco isto.

Para isso, eles disponibilizaram no site oficial da Ploobs Engine o seu código fonte gratuitamente, juntamente com alguns tutoriais e demos. Futuramente eles ainda pretendem deixá-la mais estável, robusta e corrigir bugs que surgirem. Claro que não vai se tornar uma CryEngine 2 ou uma Unreal Engine 3, mas é um grande passo para o país.

Como um trabalho desses não é fácil, a equipe está procurando pessoas para integrá-la. Se você gostar de computação gráfica e/ou de trabalhar com shaders pode enviar um email para contato@ploobs.com.br. Eles tem como ensinar os interessados, então não há necessidade de conhecimento prévio, mas vale lembrar que é um projeto sem fins lucrativos. Para imagens, veja a galeria abaixo.

[nggallery id=12]

About Luigi Olivieri

Membro fundador dessa página maravilhosa que chamamos de PlayerTwo.com.br. Mestre pokémon, fã de rogue-likes e tuiteiro de plantão.