Preço oficial do PS4 no Brasil é – wait for it – 4 mil reais

ps4

A Sony deve estar de gozação, não é possível. Com um mês e meio para o lançamento nacional do PS4, a empresa finalmente revelou o preço que será praticado no Brasil, sem festa, sem comoção, sem direito nem a dois parágrafos de texto no blog oficial brasileiro. Afinal, não há motivo para festa quando se decide vender um produto a quase o dobro do preço do seu concorrente.

Logo no período pós-E3 a Microsoft tratou em dizer que o Xbox One vinha ao Brasil a 2200 reais, sendo que seu valor no exterior é de U$500,00. Provavelmente para tentar se equiparar a isso, a Sony foi enrolando até hoje, quando finalmente anunciou que o Playstation 4, ovacionado no mundo inteiro por ser menos burocrático que o One e custar apenas 400 dólares, irá chegar por R$3999,00. Eu imagino como deve ter rolado essa decisão:

– Ou, o lançamento do PS4 aqui é dia 29 de novembro, vocês já começaram a ver quanto vai custar?
– Ih, rapaz, esqueci dessa parada. Quanto era o PS3 no lançamento mundial?
– 8 pau, mas não era oficial. Quando a gente chegou de verdade em 2010 era 2 mil.
– Mas o primeiro, vendeu?
– Um pouquinho.
– Então cobra a metade que uns loucos compram. E me vê mais uma taça de vinho!

Daqui sete dias, em 24/10, a Sony tem um evento marcado em São Paulo com o assunto em segredo, mas depois dessa dá para ter dois palpites: ou eles vão falar que era tudo uma brincadeira e vão falar o preço de verdade ou vão dar muito álcool pros jornalistas a ponto deles saírem de lá achando que 4k não é tão ruim assim.

Sony e Nintendo devem estar disputando para ver quem ferra mais o mercado brasileiro, com ponto extra pra quem desenvolver a melhor desculpa. Enquanto a Nintendo decide ficar fora da BGS porque ela se focou demais na E3, sendo que não há sinal do lançamento oficial do Wii U no Brasil, o motivo desse preço absurdo do PS4 é que 60 a 70% do valor final (uns 210% do valor inicial, se o preço simplesmente convertido fosse 1200 reais) é de imposto, e segundo esse vídeo feito pelo Arena iG, até que dá para chegar no preço.

About Luigi Olivieri

Membro fundador dessa página maravilhosa que chamamos de PlayerTwo.com.br. Mestre pokémon, fã de rogue-likes e tuiteiro de plantão.

  • Comparação entre preços monetariamente atualizados dos consoles atuais com os clássicos. Em preço real antigamente os consoles custavam mais.
    Quando passar a ser produzido na Zona Franca de Manaus o preço vai cair pra caramba mas isso vai demorar muito.

    • luigiol

      Poxa, e como vai demorar!

  • Pode falar, é piada né? kkkk A conta da Sony não bate porque o Xbox One já está em pré-venda por +ou- 2 mil pilas. Com esse dinheiro como o Adrenaline apontou dá pra comprar "PS4 nos EUA + passagens e hotel + conhecer o Mickey Mouse".
    Quando ela lançou o PS3 foi a mesma coisa, no início o preço tava um absurdo. Mas o que mais me deixa angustiado é que vai ter gente comprando. Eu tenho raiva de consumidor que se prosta pra ficar de 4 sem nem piar. Com 4 mil pila dá pra montar um PC muito bruto que literalmente é umas 10 vezes mais potente que qualquer console next-gen. Um PC tem outros usos, tem mais liberdade e os jogos são drasticamente mais baratos que os dos consoles.

    • luigiol

      Concordo que tem gente que vai comprar cegamente, e isso é triste, mas não dá pra comparar com o lançamento do PS3.

      Aqueles 8 mil que cobraram em 2006~2007 não era oficial, as lojas importavam por conta própria e faziam o que bem entendiam. A Sony só chegou e falou "pode parar com isso, o preço é X" em 2010, quando passou a custar 2000 reais. Esse foi o tempo também que os jogos de PS3 abaixaram pra 150 reais, e até hoje a Sony tava com uma marca boa no Brasil, mas deu uma mancada absurda agora.